2 de mar de 2010

Quando o dom de si não funciona

Pode ser por duas razões: quando a entrega se tornar obrigatória ou quando seu motivo não for o amor desinteressado.

Portanto, o amor vira tanto patrão quanto artimanha quando há:

1) Medo a dizer não.

2) Medo a ouvir não.

3) Dependência afetiva.

4) Submissão voluntarista ao dever.

5) Perfeccionismo orgulhoso.

6) Sentimento de dívida.

7) Vontade de agradar a todos.

8) Generosidade aparente causada pelo despeito.

9) Busca calculista de uma gratificação afetiva.

10) Autoafirmação da própria identidade.

É preciso tomar pé dessas ambiguidades. Não para fecharse em si ou partir para outra, mas para purificar a entrega das motivações imperfeitas que a tornam menos livre, generosa e realizadora.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...