7 de out de 2011

Doze regras essenciais do amor

Retiradas do Tratado do Amor Cortês, Livro I, VI, E (pág. 98-99):

I. Foge da avareza como de flagelo funesto e abraça o que lhe for contrário.

II. Mantém-te casto para aquela que amas.

III. Não tentes destruir o amor de uma mulher que esteja perfeitamente unida a outro.

IV. Não busques o amor de nenhuma mulher que o sentimento natural de vergonha te impeça de desposar.

V. Lembra-te de evitar absolutamente a mentira.

VI. Evita contar a vários confidentes os segredos do teu amor.

VII. Obedecendo em tudo às ordens das senhoras, esforça-te sempre por pertencer à cavalaria do Amor.

VIII. Dando e recebendo os prazeres do amor, cuida de sempre respeitar o pudor.

IX. Não sejas maldizente.

X. Não traias os segredos dos amantes.

XI. Em qualquer circunstância, mostra-te polido e cortês.

XII. Ao te entregares aos prazeres do amor, não excedas o desejo de tua amante.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...